Conceito curto e dicas para saber se está pronto(a) ou não para namorar

Vamos começar lendo um conceito curto de namoro?

“O namoro é um estado transitório, onde duas pessoas mantém uma relação amorosa com o objetivo de se conhecerem mutuamente: se o namoro for satisfatório para ambos, a relação acaba por se oficializar em noivado (o momento em que é feito o pedido de casamento), para se materializar em matrimônio. Caso contrário, rompem o namoro e cada um segue o seu caminho.

Os namoros não têm uma duração prevista por antecedência e nem todos se mantêm durante o mesmo tempo. Há namoros efémeros (que são breves) que acabam em poucos meses (ou dias), ao passo que outros duram muitos anos até ao casamento. Existem, inclusivamente, casos em que o namoro pode ser breve resultando em matrimônio desde que o casal se sinta preparado para dar esse passo.

O namoro também requer deixar de lado o egoísmo para ter em conta as necessidades do parceiro. A busca pelo bem-estar pessoal deve sempre incluir a felicidade do outro.”

Dentro de um namoro existe regras, que se não forem cumpridas podem trazer muita dor de cabeça para o casal. Que regras são essas Leonara? Vou passar, só lembrando que todas as que forem citadas se inclui em todos os sentidos:

  • Ser fiel
  • Ter respeito ao companheiro(a)
  • Existir entre ambos sentimentos recíprocos.
  • Diálogos são importantes, quer algo ou está se sente incomodado com alguma coisa? abra a boca e fala, o único que pode ler mentes aqui é Deus.
  • Ser sincero em tudo o que for falar.

Existe muitas regras que nos ajudam a ter um bom relacionamento, citei apenas essas porque na minha opinião e acredito que na opinião de muita gente, são as mais importantes.

Parece fácil né? mas não é. A partir do momento em que aceitamos namorar com alguém os problemas dessa pessoa começa a se tornar nossos também, já é difícil cuidar dos nossos próprios problemas estando sozinhos, imagina agora ter que cuidar dos seus e de outra pessoa, ou seja, o dobro de problemas que você já está acostumado(a) a lidar. Outra dificuldade que também podemos encontrar são os princípios, valores que a pessoa traz com ela; cada pessoa é criada de uma forma, as vezes seu companheiro foi ensinado de um jeito totalmente diferente do que seus pais (ou seja quem foi que te criou) te ensinou; isso faz com que o momento da adaptação se torne mais difícil, por poder causar desentendimentos, discussões entre o casal.

Por isso a importância do respeito e diálogo e por isso também que digo que, é necessário que esteja pronto pra lidar com a responsabilidade e dificuldades que um compromisso desses pode trazer.

Como saber se estou pronto(a)?

A melhor forma de começar um bom relacionamento é estando bem consigo mesmo, é estar bem equilibrado emocionalmente, nada de se envolver por carência; e o mais importante, você deve querer.

Não adianta nada entrar em um relacionamento sem saber o que realmente quer, pensando: “EU ACHO que estou pronto(a)” ou “não tenho certeza mas vou entrar nessa e ver no que dá”. Isso não convence seu cérebro a nada, não convence ele a te fazer dar o seu melhor e por isso terá grandes chances dessa relação não dar certo, exija de você certeza: “eu quero isso e vou fazer de tudo para dar certo”, “Vou entrar nessa porque sei o que eu quero”.

Então é isso; namorar é muito bom e pode ser melhor ainda quando ambos sabem o que querem e estão prontos para isso.  Espero ter ajudado, beijos!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s